Ilustrador londrino Quentin Jones mostra o hibridismo entre as linguagens já que é animador, film maker e designer gráfico.